China Russia Alemanha Espanha Franca Inglaterra Dinamarca Portugal

Milhares de visitantes na Feira Anual de Santo André: Certame centenário termina a 8 de dezembro

Adicionada: 05 de Dezembro 2017

Mini_0

Começou, na passada quinta-feira, dia 30 de novembro (feriado municipal em Mesão Frio), um dos eventos mais ancestrais do país – a Feira Anual de Santo André –, que terminará a 8 de dezembro. A Porta do Douro deu início às comemorações, com um dia de homenagem ao município, na biblioteca municipal, onde foi exibido o documentário «Mesão Frio: Artes, costumes e tradições da nossa gente». No mesmo local, decorreu a apresentação da obra literária «Meigion Frio – nove séculos de história», de Bernardino Oliveira, apresentada por Carlos Dias. Marcaram também presença, nesta comemoração do dia do município, os representantes das entidades concelhias e os representantes da família Perfeito Pereira Pinto, uma das mais importantes e marcantes na vida social do concelho, com cerca de quatro séculos de história. Na cerimónia, o presidente da Câmara Municipal de Mesão Frio, Alberto Pereira, referiu que “é intenção e continuará a ser, do executivo municipal, preservar a memória, o património e a história de Mesão Frio. 15 anos após a publicação da monografia do concelho, a edição de mil exemplares encontra-se praticamente esgotada e, após novos achados arquivísticos, pelo autor, tornou-se obrigatório dá-los a conhecer publicamente, para que não caiam no esquecimento, como tantos outros documentos que se perderam para sempre”. O grupo Bibliodance e o coro infantil dos pequenos cantores de Mesão Frio encerraram a cerimónia com dois momentos musicais. À noite, a Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Mesão Frio realizou, no seu salão de festas, a habitual noite de Fado, que juntou os fadistas do concelho vizinho de Resende, com o grupo D’ouro Fado e os cantores Ilda Magalhães, Abílio Costa e Manuel Pinto. E porque a tradição ainda é o que era, na sexta-feira, dia 1 de dezembro, o parque de estacionamento da zona de lazer de Mesão Frio foi anfiteatro para a feira dos burros e para a corrida de cavalos, que decorreram respetivamente durante a manhã e a tarde. A animação musical deste dia ficou marcada por uma presença já assídua nas festas de Santo André - Maria Celeste, Pedro Malheiro e seus amigos, que cantaram ao desafio, com a boa disposição e o humor que lhes é característico. Pelas 21h30, realizou-se o passeio noturno de todo o terreno «Rotas de Santo André», uma organização da Associação Génese da Aventura – Douro Motor Sport, com o apoio da Câmara Municipal. Na mesma noite, na Biblioteca Municipal, o Grupo de Teatro Renascido, da Associação Desportiva e Cultural da Cumieira, levou à cena a peça «A igreja bem assombrada». No terceiro dia do programa, pelas 9 horas, as viaturas de todo o terreno partiram novamente à aventura, para um passeio de todo o terreno, que terminou na pista de obstáculos do monte de São Silvestre. À noite, o grupo musical bem conhecido do grande público, «Diapasão», atuou no pavilhão multiusos municipal, perante uma multidão, que apareceu para ouvir cantar o artista com ligações familiares no concelho de Mesão Frio. O fim de semana terminou com a animação de rua, pela Associação da Concertina e Bombos Santiago de Baião, o torneio de Sueca organizado pela Associação Cultural e Desportiva de Vila Marim e o festival de folclore do Rancho Folclórico de Barqueiros do Douro, com as participações do Rancho Folclórico «O Arrais», de Ílhavo, do Rancho Folclórico de Santa Maria de Adaufe, de Braga e do Grupo Etnográfico «As Cesteiras de Frende», de Baião. Na próxima sexta-feira, dia de feriado nacional, a multidão volta a encher as ruas de Mesão Frio, para assistir ao desfile e mercado medievais, que atraem cada vez mais visitantes. Visite-nos no dia mais animado deste certame e venha comprovar o misto de festa.


Imagens associadas:

Mini_1
Mini_2
Mini_3
Mini_4
Mini_5
Mini_6
Mini_7
Mini_8
Mini_9
Mini_10
Mini_11
Mini_12


Newsletter

Fique a par de todas as novidades. Subrescreva a nossa newsletter.