China Russia Alemanha Espanha Franca Inglaterra Dinamarca Portugal

Eixo de Intervenção 1 - Emprego, Formação e Qualificação

Eixo de Intervenção 1 - Emprego, Formação e Qualificação

Acção 1: Gabinete de Apoio ao Empreendedor
Criação de um Gabinete de Apoio ao Empreendedor, que irá funcionar em articulação com o Gabinete de Inserção Profissional - GIP, no sentido de apoiar e acompanhar o processo de inserção, qualificação e requalificação profissional dos mesãofrienses, com o objectivo de promover a empregabilidade no Concelho.

Actividades:

a) Criação de um Gabinete de Empregabilidade
Identificação dos destinatários em articulação com o GIP e dos recursos materiais e logístico.

b) Cooperativa de produtos regionais do concelho – CPRMF
Criação de uma cooperativa de produtos regionais do concelho, cujo principal objectivo é identificar e seleccionar os produtos regionais, bem como os produtores. Dinamizar sessões de trabalho com os artesãos/produtores. Com esta actividade pretende-se promover a cooperação e entreajuda dos seus membros, com obediência aos princípios cooperativos tendo em conta a satisfação das necessidades e aspirações económicas, sociais ou culturais dos produtores e do concelho. A cooperativa será um espaço de exposição dos produtos regionais (cestaria, tanoaria, biscoitos de Vila Marim, rendas e bordados, vinho, doçaria regional, entre outros) e dos produtos agrícolas de subsistência, aberto ao público. Para além dos técnicos e produtores afectos a esta actividade o funcionamento da cooperativa deve ser também assegurado por voluntários com interesse na área do turismo e do artesanato.

c) Roteiro turístico
Elaboração de um roteiro turístico do concelho com o objectivo de dar a conhecer os pontos turísticos de cada freguesia e os locais de confecção dos produtos regionais. Esta actividade implica parceria e articulação com as casas de turismo rural, com o Posto de Turismo do Município e com a Adega cooperativa de Mesão Frio.

d) Criação de um Website
Pretende-se criar um site, para dar a conhecer a cooperativa, que deve estar estruturado com os seguintes links: caracterização sócio demográfica e histórica do concelho; apresentação dos produtos regionais e fichas promocionais onde deve constar a caracterização dos produtos, nomeadamente: a sua origem, a sua confecção, a área geográfica a que pertence e a designação dos produtos. Este website será parte integrante da página da internet criada pelos beneficiários do Projecto - CLDS.


e) Feiras, exposições itinerantes nas freguesias do Concelho e outras que adiram a esta iniciativa
Participação em feiras dos concelhos vizinhos e feira anual de Santo André. O objectivo será dar a conhecer/divulgar os produtos regionais do concelho potencializando a sua comercialização.

f) Catálogo de produtos
Elaboração de um catálogo que promova os produtos regionais.

g) Acompanhamento individualizado em todo o processo para a criação do auto - emprego em parceria com diversas entidades.
Realização de atendimento e acompanhamento em gabinete e no terreno de todo o processo para a criação do próprio emprego. Parceria e articulação com o Microcrédito.

h) Acções de articulação institucional no âmbito do emprego tendo em vista estabelecer parcerias.
Contacto com as entidades, com competências nesta área, identificadas na parceria.

Público-alvo:
Desempregados, desempregados de longa duração e jovens à procura do 1º emprego.

Acção 2: Bolsa de Emprego
Criação de uma base de dados de Entidades Empregadoras e Desempregados, em articulação com o Núcleo Local de Inserção - NLI, Gabinete de Inserção Profissional - GIP e Instituto de Emprego e Formação Profissional.


Actividades:

a) Levantamento da oferta de emprego
Contactos com o tecido empresarial do concelho e limítrofes, nomeadamente da ACIR.

b) Listagem dos programas de emprego locais e nacionais
Divulgação de programas de apoio ao emprego junto da população - alvo e dos agentes económicos.

c) Bases de dados
Criação de bases de dados por escalão etário e por grupos profissionais (quer de empregadores quer de empregados) e pessoas inseridas profissionalmente e o tipo de inserção (estágio profissional, com contrato de trabalho e criação do próprio emprego)

d) Elaboração de brochuras e cartazes para divulgação de ofertas de emprego
Elaboração, distribuição e publicação de informação recolhida e produzida pelo Gabinete de Apoio ao Empreendedor e das actividades desenvolvidas.

e) Feira de Emprego, Qualificação, Formação e Orientação escolar.
Promover o contacto directo entre as empresas a população activa e os estudantes. Permitindo que as empresas apresentem os seus programas, procedimentos, formas de recrutar e as oportunidades que têm para oferecer. Potenciar oportunidades de estágio e emprego.

Público-alvo:
Empregados/empresários, desempregados, desempregados de longa duração e jovens à procura do 1º emprego.


Acção 3: Acções de Sensibilização e Formação na Área da Empregabilidade
Realização de acções de sensibilização e formação entre empregadores e potenciais empregados, no sentido de aproximar e mediar os contactos e processos de inserção, qualificação e requalificação. Realizar actividades que promovam o treino de competências de procura de emprego.

Actividades:

a) Diagnóstico das necessidades em termos de emprego e formação.
Aferir junto de empregadores e população em geral quais as áreas de maior carência em termos de comércio, indústria e serviços; Aferir junto da população quais as áreas em que gostariam de desenvolver uma actividade formativa e dos empregadores quais as áreas de maior carência formativa.

b) Acções de Sensibilização e formação na área da inovação e empreendorismo.
Reunir entidades empregadoras e desempregados, no sentido de se promover uma aproximação entre ambos e consciencializar os desempregados para a importância de desempenharem uma actividade profissional. Realizar acções de formação na área da inovação e empreendorismo, bem como noutras áreas que se mostrem diagnosticadas na actividade 2 da acção 3 - eixo 1.

Público-alvo:
Empregados/empresários, desempregados, desempregados de longa duração, jovens à procura do 1º emprego e população activa.



Newsletter

Fique a par de todas as novidades. Subrescreva a nossa newsletter.